AQUELE QUE VENCEU A MORTE

Semana de 24 a 30 de maio de 2020

Leitura: Apocalipse 1.17-18; 2.8-11; 3.14-22

Em tribulações como a descrita para a igreja de Esmirna, o Senhor se apresenta não somente como aquele que venceu a morte, mas que também tem na sua mão as chaves da morte e do inferno.

Para Filadélfia ele diz algo semelhante, pois a chave que tem em sua mão é capaz de abrir ou fechar qualquer porta, sem que ninguém possa se opor a isso. Ver Jesus dessa forma nos dá força, confiança e descanso para enfrentar qualquer situação. 

Observe que ele não disse que iria retirar a tribulação que viria sobre aqueles irmãos, mas daria a eles o poder para vencer a morte. Cremos nessa verdade?

Faça download do card e compartilhe.

O QUE TEM A ESPADA AFIADA

Semana de 17 a 23 de maio de 2020

Leitura: Apocalipse 1.16; 2.12-17; 3.1-5

Querendo nos derrubar, Satanás arma ciladas utilizando enganos sutis que se misturam à verdade e acabam por manchar nossas vestes de justiça. Somente a verdade (a espada) que sai da boca do Senhor é capaz de trazer santidade e salvação. 

A relação do discípulo com a Palavra de Cristo não é opcional, nem pode ser eventual, pois é a partir desse firme fundamento que o Espírito Santo nos guarda de tropeços. 

Como tem sido nosso contato com a Palavra? Ela está habitando ricamente em nós?

Faça download do card e compartilhe.

OLHOS COMO CHAMA DE FOGO

Semana de 10 a 16 de maio de 2020

Leitura: Apocalipse 1.14-15; 2.18-29

O olhar de Jesus como chamas de fogo pode ser entendido de muitas maneiras, mas, sem dúvida, demonstra que ele conhece o nosso interior.

Não há barreiras para aquele que sonda mentes e corações, que “trará à plena luz as coisas ocultas das trevas, e também manifestará os desígnios dos corações” (1 Coríntios 4.5).

Vamos abrir voluntariamente nosso coração ao Senhor, expor nossas dificuldades, medos e sonhos. Ele é capaz de santificar nossa alma segundo sua perfeita vontade.

Faça download do card e compartilhe.

CEIA DE MAIO

Ceia: Uma expressão de amor
Otocar Wondracek

Sempre a Ceia nos remete ao amor de Deus, ao vermos a sua mesa com o pão e o vinho, que significam Sua entrega. Mas, lembrando que o grande amor do Senhor nunca cessa, renovamos esta lembrança hoje. Falar do amor de Deus é muito difícil, não porque não haja assunto, mas devido a incompreensão desse amor. Quem não conhece Deus, também não conhece o amor. Ler mais

O FILHO DO HOMEM NO MEIO DOS CANDEEIROS

Semana de 03 a 09 de maio de 2020

Leitura: Apocalipse 1.12-13; 2.1-7

Como os candeeiros se referem à igreja (Ap. 1.20) e Jesus está no centro dessa cena, podemos concluir que Ele deseja nossa atenção mais do que qualquer coisa.

Jesus nos ama e quer verdadeiramente nos pastorear, especialmente nestes dias de tanta incerteza. O relacionamento de amor e intimidade com o Senhor tem que ser a base de tudo que fazemos para Ele. Sem isso, não há chama no candeeiro, nem luz para o mundo.

Como está nossa comunhão e intimidade com Ele? O que tem sustentado as obras que fazemos para Ele?

Faça download do card e compartilhe.